Persas

gatos-persas-3

Como o nome diz, este gato é originário da Pérsia, atual Irã. O Persa que conhecemos hoje é o resultado do cruzamento do Persa original com o Angorá.

As características da raça são inconfundíveis. Ele é aquele gato com o rosto achatado, o pelo longo, sedoso, felpudo, para o qual existem mais de 100 variações de cores. Suas orelhas são arredondadas e pequenas, juntamente com as suas patas, além de curtas e musculosas; os olhos são também redondos e com cores brilhantes e seu rabo curto e muito peludo. O achatamento excessivo do rosto trouxe principalmente problemas respiratórios, nasais, infecções oculares, problemas neurológicos e deslocamentos do maxilar. Recomenda-se a aquisição de um Persa sem achatamento excessivo do rosto, que é identificado pela ponta do nariz mais alta que a extremidade inferior dos olhos.

Caracteriza-se também por ser um gato extremamente tranquilo e bastante preguiçoso, podendo passar o dia inteiro dormindo no sofá ou na sua almofada, saindo apenas desse estado para comer, fazer suas necessidades ou procurar nosso afeto, já que essa também é mais uma de suas características: bastante carinhoso.

 

Dálmatas

dalmata

O Dálmata, com suas manchas, é a raça mais diferente e destacada de todas, mas a sua origem é desconhecida. Na verdade, apesar de evidências artísticas indicarem uma origem antiga, não se sabe a época e o local de surgimento dessa raça. Seu nome vem de Dalmatia, uma região no oeste da Iugoslávia, mas é provável que ele não tenha se originado ali.  Já foi conhecido por várias funções diferenciadas, incluindo cachorro de briga, pastor, cão de tração, caçador de ratos, e até mesmo cão de circo, mas foi como cão de carruagem na Inglaterra Vitoriana que ele encontrou seu lugar.

O cão de carruagem tinha função prática e estética, ele protegia os cavalos do ataque de cães e dava um toque de estilo ao processo, seja seguindo ao lado, na frente ou atrás da carruagem (posição considerada a mais elegante). Criado para correr por muitos quilômetros, tem um empolgação incansável. Ele é um companheiro divertido e impaciente, que precisa de muito exercício em área segura para se comportar bem em casa, sem falar que ele ama correr. Com a chegada do automóvel, o Dálmata perdeu seu lugar na sociedade e a popularidade caiu. Sua brilhante colaboração sempre garantiu que ele fosse visto como um cão de estimação e de exposição muito popular, entretanto, seu aparecimento em filmes infantis o transformou em uma das raças mais queridas da América nos anos seguintes.

Uma de suas características mais marcantes é a cor, sempre brancos com machas pretas ou castanhas. Demonstra facilmente, através de latidos ou manifestações corporais, o que estão querendo, além de serem cães inteligentes. Seu tamanho, sendo macho ou fêmea,  pode chegar entre 48 a 58 de altura, com o peso de 18 a 27 kg.

Angorá Turco

 

14089317_1038882456207328_9006521029292662015_n

 

É uma das mais antigas do mundo, provindos da região de Ankara, na Turquia Central e caracterizam pela sua sedosa pelagem semi-comprida e pelas suas finas silhuetas. Esta raça originou muitas outras das que conhecemos atualmente como a Persa ou a Maine Coon, muito presentes na Europa e América.

O Angorá Turco é um gato com comportamento muito inteligente, por isso é que se recomenda a dar-lhe uma boa educação  desde pequeno. Tem uma natureza educada, tranquila e, sobretudo presta-se a ser ensinado e obedece com facilidade às ordens que lhes são dadas. Além de tudo, são ativos, fiéis e extremamente carinhosos, tendo como preferência um único dono.

Apesar de dizermos que é um gato de caráter tranquilo, não podemos dizer que não seja ativo. Na realidade, é uma raça bastante curiosa, sociável, brincalhona e gosta muito de realizar expedições pela casa e por sítios que são de difícil acesso para as pessoas. Dentro dos traços mais fortes do caráter desses animais se encontra a grande capacidade de se comunicar. Através dos seus miados, é considerado um gato ”falador”, comunicativo e expressivo.

Entre em Contato Conosco